Facetas Dentais: Em busca do sorriso perfeito

Foto: Primaz

Conhecida como Laminados Cerâmicos ou Lentes de Contatos Dentais, é o recobrimento por meio de restaurações diretas ou indiretas que se sobrepõe a face externa dos dentes. Devem ser indistinguíveis aos dentes naturais e executam suas funções tão bem quanto estes.

Idealizada em 1937 por Charles Pincus, foi muito utilizada pela indústria cinematográfica de Hollywood.

Tipos de Facetas são:
- Overlap

- Window

- Bisel em 45o

- Lentes de Contato

Preparos Dentais: é um conjunto de procedimentos com finalidade de determinar as melhores condições possíveis para o dente receber uma restauração. E os tipos de preparo são:

1- Convencional: Técnica mais simples. Orientado por espessura de pontas diamantadas. Pode levar a desgastes desnecessários.

2- Seletivo: Técnica mais correta, conservadora e complexa. Orientada por enceramento diagnóstico. Desgaste necessário da estrutura dental e determinado pela espessura essencial para a restauração definitiva. Processo de desgaste seletivo em quantidades pré determinadas.

Não existe profundidade padrão de preparo, mas devem ser minimamente invasivos quando comparadas com as coroas dentais. Para isso depende:

- Do grau de escurecimento do dente (profundidade)

- Inclinação do dente para lingual ou vestibular

- Tipo do dente e localização na arcada

- Presença de diastemas ou desgaste estrutural

- Existência de apinhamento

- Necessidade de alongamento do dente

- Extensão da fratura dental

- Áreas estáticas e dinâmicas de visibilidade

Indicações das Facetas Dentais:


1- Alterações de cor, quando refratário clareamento (Fluorose, manchas por medicamento)

2- Modificações Cosméticas de Forma e Textura

3- Restaurações de grandes proporções

4- Casos especiais: Facetas Palatinas e Oclusais (Stop Oclusal)

Contra Indicações das Facetas Dentais:

1- Remanescente dental enfraquecido

2- Oclusão e/ou posição dental (hábitos parafuncionais)

3- Restauração múltiplas e/ ou amplas

4- Apresentação anatômica inadequada

5- Higiene Oral não satisfatória

Problemas mais comuns são o controle da profundidade e direção do corte. Para solução é necessário utilizar sulco de referência e guias de silicone.

Objetivos do Enceramento Diagnóstico:
- Determinar anatomia

- Posição final das Restaurações

- Especificar o material restaurador a ser utilizado

- Mock up

- Confecção dos provisórios

- Guia de Desgaste

Facetas Diretas em Resina Composta

Vantagens:

- Custo Reduzido

- Menor Desgaste Dental

- Facilidade em reparos

- Sessão única

- Dispensa provisórios, moldagens

Desvantagens:

- Operador Dependente

- Susceptível a manchamento

- Com o tempo ocorre perda de lisura e textura

Protocolo Adesivo das Facetas Diretas

- Isolamento absoluto

- Ácido

- Lavagem e secagem

- Adesivo

- Fotopolimerização

- Resina Equivalente a 1a Dentina (Cervical)

- 2a Dentina (Terço médio)

- Proximais com resina de esmalte

- Resina equivalente ao esmalte (Incremento único)

- Acabamento e Polimento

Facetas Indiretas
Vantagens:
- Estabilidade de Cor e Textura

- Resistência a fratura, dureza

- Expansão térmica semelhante ao esmalte

- Reprodutibilidade Estética

- Durabilidade

Desvantagens:

- Deficiência de adaptação

- Exige treinamento do profissional

- Peças frágeis antes da cimentação

Protocolo De Laminados Cerâmicos
- Planejamento

- Modelo de Silicone sem preparo (dentes intactos) para enceramento diagnóstico

- Mock up

- Adequação do meio

- Preparos

- Moldagem

- Provisórios

- Comunicação: Fotos e cor do substrato

- Fase Laboratorial

- Cimentação

No próximo texto daremos continuidade e descreveremos sobre restaurações cerâmicas e o protocolo para o sucesso nas reabilitações.

Comentários